07 junho 2006

Vida de Santo Agostinho

Aurélio Agostinho nasceu em Tagaste, província romana do norte de África, no ano 354, a 13 de Novembro. Filho de Mónica, mae e esposa dedicada e muito religiosa, e de Patrício, funcionário público e com um carácter bastante forte. Agostinho teve uma juventude repleta de aventuras, amores e desamores. Estudou em Tagaste e em Madaura. Foi professor de retórica em Milão. Foi maniqueista mas converteu-se ao cristianismo em 386, por influência da sua mãe e do bispo de Milão Ambrósio. Ficou a viver numa quinta chamada Cassiciaco e quando regressou a Tagaste, fundó um mosteiro para viver com os seus amigos onde viviam "com um só coraçao e uma só alma dirigidos a Deus". Foi a primeira de muitas fundaçoes posteriores. Em 391 foi ordenado sacerdote e quatro anos depois bispo de Hipona. Aí faleceu em 430, durante a tomada de Hipona pelos vândalos. Escreveu inúmeras obras contra as heregías daquela época (como por exemplo, os donatistas, os maniqueus, etc). Um dos seus objectivos foi o de tentar conciliar a filosofia grega, sobretudo a de Platão, com a religião cristã. As obras mais conhecidas deste santo sao: As Confissoes e a Cidade de Deus.

Sem comentários: