24 dezembro 2006

Natal segundo Santo Agostinho

"Veio para curar os olhos do nosso interior, para que, uma vez curados, nós, que antes éramos escuridão, nos convertéssemos em luz no Senhor. E assim, ao olhar para ela, pudéssemos resplandecer em toda sua claridade"
(Santo Agostinho - Sermão 195, 3)

"Quis (Cristo) nascer hoje no tempo para levar-nos até à eternidade do Pai. Deus fez-se homem para que o homem se fizesse Deus... O homem pecou e converteu-se em réu; Deus nasceu como homem, para que fosse libertado o réu. O homem caiu, porém Deus descendeu. Caiu o homem miseravelmente, descendeu Deus misericordiosamente; caiu o homem pela soberbia, descendeu Deus com sua graça"
(Santo Agostinho - Sermão 13)

"Deus enviou-nos o seu Filho, para que, participando da nossa mortalidade por amor, nos fizesse participantes da sua divindade por adopção"(Santo Agostinho - Sermão 121, 1)

"Tanto nos amou que por nós foi feito no tempo aquele por quem foram feitos os tempos (...) Tanto nos amou que se fez homem o que fez o homem"(Santo Agostinho - Sermão 188, 2)

PS: Estas frases foram copiadas do blog www.freipedrinho-osa.blogspot.com. Muito obrigado!!!

Sem comentários: