06 fevereiro 2007

10 semanas de vida não será pouco?

Como há já algum tempo que não ponho nenhum video aqui, resolvi actualizar o blog hoje com um video sobre o aborto, agora que em Portugal estamos de novo com a típica saga abortiva... Gostava antes de deixar um pequeno dado acerca de Espanha em relação aos abortos praticados em dito país. Espanha, depois de aprovada a mesma lei que em Portugal se vai votar no próximo dia 11, aumentou bastante o número de clínicas para dito homicídio e consequentemente, aumentou também bastante o número de abortos. Pergunto eu: será que aprovar uma lei com esta vai fazer com que haja menos abortos? Não! Vai proporcionar melhores condições às mães que abortam (não sei até que ponto se podem considerar mães, mas enfim...)? Talvez, mas não sei o que é melhor, desde logo, se matar uma criança inocente (sim, criança, vida, como quiserem chamar, porque a partir da concepção existe vida, existe um novo ser em desenvolvimento) ou permitir o mesmo só para que o possam fazer sem serem reprimidas pela sociedade. Que direito tem uma pessoa sobre a vida de outra? Vamos pensar todos muito bem antes de tomar uma decisão inconsciente, só para ficar a bem com a sociedade mas mal consigo mesmo... Votar em consciencia é o importante.

1 comentário:

edna disse...

Bufff
¿Que absurdo derecho natural apelamos cuando decimos que las mujeres tenemos derecho a abortar porque es nuestro cuerpo? NO señora, no es su cuerpo, es una vida nueva y diferente aunque (por desgracia para ella) dependiente de usted. Era su cuerpo cuando tuvo medios (o no) para evitar el embarazo pero ahora ya no...
El aborto es el más cruel de los asesinatos, porque se produce sobre una persona (si si persona) que no se puede defender y apesar de realizarse en clinicas nadie se toma la molestia de evitarle sufrimiento al bebé (¿por qué la gente protesta tanto por el sufrimiento de los toros y los perros pero nadie levanta la voz por los humanos? es absurdo...)
Por si alguno tiene alguna duda de que abortando se comente un asesinato: 1.- Asesinato (segun la RAE) Accion y efecto de asesinar--> Asesinar:. Matar a alguien con premeditación, alevosía, etc.
2.Causar viva aflicción o grandes disgustos.
3.Dicho de una persona en quien se confía: Engañar en un asunto grave.
Nunca un asesinato cumplió tan bien todas las acepciones de asesinato como lo hace el aborto...