12 fevereiro 2007

Desabafo...

E pronto, já se acabou o fim de semana de férias, já estou novamente sentado atrás de uma carteira e a ouvir um professar, a tirar os benditos apontamentos, etc... a típica vida de estudante. No entanto, não vou falar das aulas. Quero antes fazer uma pequena referência ao que aconteceu neste fim de semana: a vitória do SIM no referendo sobre a IVG até às 10 semanas. Ainda que o nome mude, a acção continua a ser exactamente a mesma, matar uma criança. Por mais razões que possam chegar aos meus ouvidos, nenhuma me fará mudar de pensamento. Ninguém tem o direito de matar ninguém, e menos uma criança de 10 semanas de vida, rigorosamente ninguém. No entanto, e como gostamos de ser um país progessista e inovador, votámos afirmativamente no referendo. Ainda que tenha sido uma consulta ao povo, gostava de deixar bem definido que a suposta consulta ao povo português não passou de ser suposta, porque houve 60% de abstenção, o que significa que de 10 milhões de portugueses, só votaram 4 milhões, isto é, não votou nem a metade da população portuguesa. Isto deveria ser mais que suficiente para invalidar esta suposta consulta, mas não... Qual é o resultado? Pois bem, ainda não passaram 10min desde que vi no site da TSF a seguinte noticia: Até Março vai abrir uma clínica española em Lisboa, e já há outra, com sede em Madrid, que quer abrir uma clínica também em Lisboa nos próximos tempos. Quero dizer com isto o seguinte: 24h depois dos resultados, existem já clínicas a meter a mão em Portugal, para quê? Para que, com óptimas condições, as mulheres possam matar crianças totalmente indefesas só porque lhes apetece. Sinceramente, isto revolta-me imenso e faz-me pensar bastante em que tipo de valores tem a sociedade em que nos calhou viver... Um valor tão básico como a vida está a escapar-se das mãos do ser-humano. E o mais triste é que rejeitamos o maior presente que nos pode dar Deus todos os dias, o dom da Vida!!! Todos os dias de manhã tenho a certeza que este será o pensamento de Deus sobre nós: "Vá lá... concedo-te este dia para que sejas uma boa pessoa, para que aprendas a valorar tudo aquilo que te dou... não o desperdices de qualquer maneira... aproveita cada minuto deste novo dia!" O qué que fazemos? Simplesmente viver a 100% sem nos importarmos minimamente dos outros, e nem de nós mesmos... Pensa nisto.

1 comentário:

edna disse...

¡¡Rui!!
Yo a veces también pienso ¿a dónde caminamos? y aunque no se bien la respuesta creo que a ningún sitio bueno :S cada vez la vida está más al contrario de lo que a mi me parece bueno... pero quizá para eso estemos aqui amigo... para ponerla del derecho, o quizá seamos nosotros los equivocados y entonces estemos aqui para que nos den la vuelta... Ya nos enteraremos, mientras ¡a luchar por lo que creemos! a contar lo que vivimos, a alumbrar el mundo con la luz que tenemos, a... bueno ya sabes: "Dilige, et quod vis fac" SA
Muchos besos